Sinopse de Flor de Sal

 

capa-flordesal-230715

Cuidado! Este é um livro de linguagem direta e temas fortes. Contém crônicas que destilam um olhar sobre a vida que transita entre o dramático e o cômico, o erótico e o escatológico, o romântico e o chauvinista, o liberal e o preconceituoso. Um orquestrado livro de histórias curtas, rascantes e duras, que se enredam como em um romance de construção. Um livro surpreendente, com relatos de situações inusitadas, que poderiam acontecer com – quase – todo mundo. O autor estreante parece não temer o feroz patrulhamento moral de uma sociedade cada vez mais conservadora, careta, e politicamente correta. Neste livro, encontraremos um cronista atrevido, provocador, instigante, sem pudores – temáticos, estilísticos ou linguísticos -, e com um forte desejo de empurrar seus leitores para além de suas zonas de conforto, ao nos envolver na história de um homem do povo, comum, mundano (no pior sentido da palavra), que com a chegada da maturidade, se debate com perguntas existenciais há muito tempo sem respostas. A partir de sua busca pelo sentido da vida, a trajetória deste homem dará uma guinada vertiginosa em direção à sua própria verdade. Sem dúvida este é um livro sobre a dualidade da alma humana.